Por que é que é importante olhar para a KPMG?

Rel KPMG 2012

Excerto do parecer da KPMG às contas de 2012 do BESA

A KPMG era a revisora de contas do BES desde 2002. Cabia-lhe a análise e aprovação, ou não, das contas financeiras do banco. Para além do BES, a consultora/auditora/revisora trabalhava ainda para a grande maioria das empresas financeiras do Grupo Espírito Santo (ver lista aqui). Entre elas, a Espírito Santo Financial Group, a Espírito Santo Irmãos, a Espirito Santo Financial e, claro, o BESAngola (ver estrutura aqui).  A abrangência do conhecimento da KPMG em relação ao Grupo Espírito Santo levanta duas questões, às quais não podemos, não queremos, nem devemos fugir.

Continuar a ler

Entidades GES auditadas pela KPMG Portugal

Com base no relatório de Transparência da KPMG 2013, e nas informações enviadas pela empresa à CPI (*).

BANCO ESPÍRITO SANTO INVESTIMENTO, SA

BANCO ESPÍRITO SANTO DOS AÇORES, SA

BANCO ESPÍRITO SANTO, SA

BANCO ESPÍRITO SANTO CABO VERDE, SA*

BES, COMPANHIA DE SEGUROS, SA

BES VIDA, COMPANHIA DE SEGUROS, SA

BESPAR , SGPS, SA

BEST BANCO ELETRÓNICO DE SERVIÇO TOTAL, SA

BES FINANCE, LTD *

TRANQUILIDADE, SA

T-VIDA – COMPANHIA DE SEGUROS, SA

Continuar a ler

BES Angola: o elefante que ninguém quis ver

Fundado em 2002, o BES Angola rapidamente ascendeu a um lugar cimeiro entre os bancos angolanos, com a sua atividade a registar taxas de crescimento difíceis de conceber, mesmo para uma economia em forte crescimento como a angolana.

Olhando para os relatórios do BESA, verificamos que o balanço do banco cresceu mais de 40 vezes entre 2004 e 2013, de 263.9 para 11.341 milhões de dólares, o que corresponde a um crescimento médio de 52% ao ano. Entre 2007 e 2008, por exemplo, a atividade do banco cresceu 6 vezes.

Este crescimento foi, em larga medida, financiado pelo Banco Espírito Santo, aparentemente sem levantar dúvidas ao supervisor português. Continuar a ler